segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Quase lá

Essa história de alter ego começou numa brincadeira entre amigos por msn mesmo. E fingiamos que eramos Celines,Alices,Lucys e Rachels. A brincadeira foi crescendo e essa mania de querer ser outra pessoa também. Assim nasceu a festa. Incorpore seu personagem e vem comigo.

Se tem uma coisa que soube fazer nesses anos todos de vida social e afetiva se chama amizade. Tudo bem que pela ingenuidade e desprazer topei por aí pessoas que gostavam de estar comigo apenas por interesses bobos ou porque tinham a certeza que eu era mesmo tolinha e idiota o suficiente para ser aproveitável. E sim eu sou aproveitável, todo mundo sabe disso. Escolhi ter amigos inteligentes por opçao mesmo, por saber que ali eu me sentiria em casa, escolhi ter amigos bonitos por opçao e sorte porque todo mundo sabe que beleza e inteligencia sao amigas díspares. E escolhi principalmente ter amigos que eu pudesse mesmo encher a boca e dizer, esse é meu amigo.

E nesse sábado pude comprovar isso. Escolher alguem pra ser em uma noite é tarefa árdua se você nao sabe, escolhi meu alter ego muito antes de pensar na festa, escolhi porque ela tava ali pra ser escolhida.E todo mundo garimpou bem dentro para tirar de lá a centelha de rock star. A festa foi deliciosamente brega de um jeito divertido.

No final eu vi o MJ dançando na boquinha da garrafa, Jason levando Dorothy Gale pra casa,Lily Allen dando mole para o Speed racer que nao desafinou em Evidências, Clark Kent fingindo ser Woody Allen, Amy Winehouse cantando I'll be there for you, princesa Léia dançando um samba, o Ita que virou Raoni incorporando Chico Xavier e se era festa para Alex Delarge colocar pra fuder, só se foi rebolando ao som de Não se reprima e Katy Perry e o francês que não sabem brincar de karaokê haha No fim essa Carrie Bradshaw tirou o Louboutin imaginário dos pés e calçou mesmo uma havaiana porque quis é brincar no carnaval paralelo que virou tudo isso aí.

Está certo que faltou muita gente mas para quem ainda duvida, eu tenho os melhores amigos do mundo. Obrigada por comemorar meus 29, meus quase lá... Obrigada pela diversão líquida e por importar comigo. Ter amigos assim é no mínimo fantástico que fica acima do imaginável.

Amo vocês.